Coronavírus/Jaboatão: Borracheiro de Prazeres pode ter sido primeira vítima em PE

Um borracheiro de Prazeres em Jaboatão pode ter sido o primeiro caso de morte por coronavírus na capital pernambucana. Ele veio a falecer no hospital Maria Lucinda, no Parnamirim, e foi enterrado no cemitério de Santo Amaro. A certidão de óbito fala especificamente em coronavírus, depois de citar insuficiência respiratória grave. O documento é assinado pela médica Ingrid Rodrigues,. A morte ocorreu no dia 23 de março, nesta semana. De acordo com o documento oficial o trabalhador era casado tinha 57 anos, com cinco filhos.

 

 

Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *