Coronavírus/Jaboatão: Um município desgovernado, mergulhado na calamidade pública

A crise gerada pela pandemia do coronavírus afundou de vez o sistema de saúde de Jaboatão. A rede municipal de saúde já vinha sendo alvo de fortes crísticas, a começar pelo abandono da obra da maternidade Rita Barradas que se arrasta desde 2010. A Situação precária em várias unidades de saúde pela falta de estrutura, médicos, medicamentos e dificuldade da população conseguir uma consulta e exames. Há quase dois meses da crise da covid-19, o prefeito de Jaboatão mais uma vez fracassou, e vem recebendo críticas de políticos e da população em geral do município. Jaboatão vem ficando para trás no combate ao vírus. Em ano de eleição, isso vai ser cobrado pelo povo e pela oposição que vem fazendo uma marcação cerrado ao prefeito “bailarino”. “Jaboatão é um município desgovernado, mergulhado na calamidade pública”.

Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *