Coronavírus: Para fugir da “morte” muita gente tem sido obrigado a viver na solidão

Algumas pessoas manifestam perplexidade com o momento que estamos vivendo. O COVID-19 é uma virose galopante, com uma taxa de mortalidade alta entre pessoas mais idosas ou que apresentem problemas de saúde preexistentes. Os governos foram forçados a impor medidas sanitárias duras e a conviver com uma crise aguda do sistema de saúde. A morte por insuficiência respiratória, agregue-se, é cruel. O coronavírus começou na China, se espalhou pela Itália, Espanha Estados Unidos, Brasil, e agora em dezenas de países pelo mundo. Muitas pessoas tem sido obrigado a viver na solidão, principalmente idosos acima de 70 anos, em reclusão como se estivesse numa cela na cadeia preso para não ser acometido do traiçoeiro e assassino vírus.

Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *