CPI em Jaboatão: Se abrir a “caixa-preta”, prefeito pode ser até afastado do cargo

Costumo dizer que tudo na vida tem seu dia e tempo, o prefeito de Jaboatão clã Ferreira (PL) sofreu um grande revés, ontem, na justiça. Contra a vontade dos vereadores da sua base terá que enfrentar uma CPI de um contrato superfaturado, gerando danos ao erário municipal, na visão da juíza Adriana Karla Oliveira, da 2ª Vara Pública do Município. Se for adiante e for constatado o superfaturamento o prefeito pode ser afastado e ficar fora da disputa eleitoral do próximo ano. Não é apenas a questão do Centro Administrativo, indícios de irregularidades em licitação tem feito o Tribunal de Contas do Estado (TCE), suspender contratos da prefeitura de Jaboatão. Ainda conta a péssima gestão que o prefeito vem realizando, à cidade parece mais uma “tábua de pirulito” de tantos buracos, unidades de saúde faltando médicos e medicamentos, praças e mercados públicos abandonados, e a população revoltada reclamando o descaso no município. “Se abrir a “caixa-preta“, o prefeito pode até ser afastado do cargo”.

Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *