Desembargador do TRF5 autoriza a retirada da tornozeleira de Lula Cabral

Desde a semana passada, dia 18, a Justiça Federal já havia aceitado um pedido da defesa do prefeito Lula Cabral, do Cabo, para que o socialista deixasse de usar a tornozeleira eletrônica que começou a portar desde que deixou a prisão. O pedido foi aceito pelo desembargador Federal Edilson Pereira Nobre Júnior, relator do caso de Lula Cabral no TRF5. Lula Cabral reassumiu o cargo de prefeito após uma liminar do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli.

 

Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *