E Jaboatão?: Câmara de Olinda instala CPI para apurar fraude na eleição de Conselho Tutelar

A Câmara Municipal de Olinda instalou nesta terça-feira (8) uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), para apurar supostas irregularidades que teriam ocorrido, domingo, na eleição para a escolha dos membros do Conselho Tutelar. A eleição foi promovida pelo Conselho Municipal de Defesa da Criança. A CPI será presidida pelo vereador Ricardo Sousa, autor do requerimento, e terá sua primeira reunião nesta quinta-feira (10), pela manhã. O relator será o vereador Marcelo Soares que também terá a companhia do vereador Severino Biai. A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), secção local, também apoiou a necessidade de instalação da CPI. Segundo o presidente da entidade, Paulo Joviniano, “desde as mudanças no comando na direção do Conselho já havia indícios de que o processo apresentava irregularidades. “Bem que os vereadores de Jaboatão poderiam seguir o exemplo de Olinda, e também instalar uma CPI , já que houve várias denúncias de irregularidades no processo de votação.

Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *