Falsa moralista: TSE confirma cassação de senadora, conhecida como “Moro de saias”

Por 5 votos a 1, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já formou maioria em favor da cassação da senador Selma Arruda, ex-juíza federal do Mato Grosso conhecia como “Moro de Saias”, em referência ao atual ministro da Justiça. Ainda resta o voto de um dos magistrados mas, a menos que o último a votar peça vistas do processo, Arruda vai sair do julgamento sem o mandato por abuso de poder econômico. Eleita em 2018 para o posto, Selma Arruda perde sua cadeira no Senado com menos de um ano de legislatura por irregularidades na campanha eleitoral. Segundo o TSE, a ex-juíza cometeu crime de abuso do poder econômico e arrecadação ilícita de recursos.

Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *