Jaboatão 2020: Candidatura única pela oposição seria um suicídio eleitoral

As eleições municipais em Jaboatão dos Guararapes, terra dos engenhos Região Metropolitana do Recife (RMR), prometem um embate entre a oposição da cidade, e o prefeito, clã Ferreira (PL), que usa e abusa da máquina para fazendo campanha antecipada e acordos políticos em troca de apoio. Em busca pela reeleição, o prefeito abusa do cargo, enquanto o poder judiciário e eleitoral deixam correr frouxo. Na oposição pouco mudou após a saída do ex deputado Sílvio Costa (Republicanos), não há perspectivas de união em torno de uma candidatura única como defende Sílvio Costa, o que seria um “suicídio eleitoral“. Próximo das convenções partidárias, a tendência é de que entre oito a dez candidatos disputem a prefeitura no pleito de 15 de novembro.

Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *