Jaboatão 2020: O jogo só está começando, e até o final da partida tudo pode acontecer

A polarização em Jaboatão não deve ficar entre o prefeito clã Ferreira (PL), que deve tentar a reeleição, e o provável candidato do governador Paulo Câmara (PSB). Eleições não são o melhor momento para pactos. Os candidatos, isso sim, devem se comprometer com o povo, passar confiança para o eleitor, mesmo sabendo que nossa cultura política tradicional é personalística e clientelista. Bom candidato tem convicções e lidera: imprime sua marca, não repete o que supõe que todos querem. Tanto o atual prefeito quanto o provável candidato do Palácio das Princesas, não tem históricos políticos no município, e sequer moram na cidade. É bom não subestimar o povo nem os pré candidatos da oposição com raízes de vida e política na cidade. “O jogo só está começando, e até o final da partida tudo pode acontecer”.

Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *