Operações da PF e Civil preocupam Ferreristas que comandam a prefeitura de Jaboatão

Mais duas empresas suspeitas de irregularidades entraram no time de investigadas pela Polícia Federal por fornecerem equipamentos hospitalares ás prefeituras no enfrentamento ao coronavírus. Na manhã desta terça-fera (16), a Polícia Federal deflagrou duas operações: a antídoto e a Casa de Papel. Suspeita de irregularidades nos contratos de vendas de equipamentos hospitalares firmados entre a empresas AJS Comércio e Representação e as prefeituras do Recife, Olinda, Cabo, Paulista, Jaboatão e Primavera na Mata Sul. As Operações realizadas pela Polícia Federal e Civil, sem dúvidas irão interferir na eleição deste ano. As Operações preocupam ferreiristas que comandam a prefeitura de Jaboatão. Sem dúvidas esses atos de corrupção irão refletir e ser usados na campanha eleitoral pela oposição. 

Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *