Presidente da Câmara de Nazaré da Mata é suspeita de desviar R$ 1 milhão em “rachadinha”

A Polícia Civil investiga a vereadora Maristela do Gás (PHS), presidente da Câmara Municipal de Nazaré da Mata na Zona da Mata de Pernambuco, pela suspeita de desvio de mais de R$ 1 milhão em esquema de “rachadinha“, com a ajuda de dois assessores. O dinheiro seria usado ilegalmente para subsidiá-la nas eleições do próximo ano, segundo os investigadores. Os indícios apontam para o esquema de ‘rachadinha‘, ou seja, dois assessores da presidente da Câmara recolhiam uma quantidade de dinheiro em espécie e repassavam para o pai, que possui empresas em Nazaré da Mata, Carpina e Buenos Aires e lavava esse dinheiro“, explicou o chefe da Polícia Civil, Joselito Kerhle do Amaral. Com a apreensão dos celulares de Maristela do Gás, a expectativa da polícia é encontrar mensagens que comprovem o esquema, para que sejam aplicadas as medidas cabíveis aos envolvidos. Ao todo, 70 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães, participaram da operação.

Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *